A internet via Wi-Fi é a mais conhecida e amplamente usada no Brasil, mas você sabe as diferenças entre os tipos de redes Wi-Fi? Descubra aqui.

Você com certeza já se deparou com o termo Wi-Fi em vários locais, mas difícil encontrar alguém que já tenha buscado pelos seus significados. Veja aqui como realmente funciona e as diferenças desse tipo de rede.

Como o Wi-Fi funciona?

As redes Wi-Fi funcionam graças às ondas de rádio. A transmissão do sinal de internet se dá através de um adaptador, que conhecemos como “roteador”.

O roteador possui a capacidade de interceptar os sinais, decodificar e assim emiti-los através de uma antena.

Para que o aparelho eletrônico (seja notebook, tablet, computador, entre outros) possa capturar esses sinais e ter acesso à internet, é preciso que ele esteja dentro de um determinado alcance, que é chamado de “hotspot”.

O raio de abrangência da internet é bastante variável, de acordo com o roteador e a antena. Em locais abertos pode variar até 300 metros, e nos fechados pode se estender até 300 metros.

O padrão de rede Wi-Fi é divido em alguns tipos, dos quais podemos citar:

Principais tipos de redes Wi-Fi

• A (IEEE 802.11ª):
Esse é o tipo de Wi-Fi mais utilizado por empresas com grande tráfego de informações. A maior vantagem desse tipo é a alta velocidade e também a ausência de interferências.

Este tipo de padrão é para frequência 5 GHz com capacidade teórica de 54 Mbps.

O único contra que podemos citar nessa rede de Wi-Fi é o seu alcance, que não consegue ser muito grande.

• B (IEEE 802.11B):
Esse é o padrão de internet mais utilizado no meio residencial, ou seja, nas casas dos brasileiros. É também encontrado nas pequenas empresas. A principal vantagem aqui é realmente o seu alcance.

Por outro lado, o contra se concentra na sua velocidade, que geralmente é inferior quando comprada às outras. É um padrão de Wi-Fi para frequência 2,4 GHz, com capacidade teórica de 11 Mbps.

• G (IEEE 802.11G):
Esse padrão se assemelha ao B, mas se levarmos em consideração a velocidade, o tipo G é muito melhor.

Assim como o padrão B, é muito usado em residências e pequenas empresas, porém, tem como desvantagem o alcance, que tende a ser menor.

Esse padrão G é para frequência 2,4 GHz, com capacidade teórica de 54 Mbps.

• N (IEEE 802.11N):
Este é um padrão mais recente. Poucos equipamentos costumam fazer uso dessa tecnologia, mas já se sabe que a tendência é aumentar.

Grandes marcas de computadores e celulares já possuem aparelhos com esse tipo de padrão Wi-Fi.

A rede é para frequência 2,4 GHz e/ou 5 GHz, e com capacidade teórica de 65 a 600 Mbps.

Agora que descobriu os tipos de rede Wi-Fi, sabe por que é importante medir a velocidade da sua internet sempre?

Descubra a velocidade de download com o teste do MinhaConexão

O teste é muito simples, rápido e eficiente! Com ele você pode observar os dados da sua internet e gerar um relatório com todas as informações pertinentes para fazer as devidas cobranças à operadora.

Faça o teste de velocidade várias vezes ao dia e veja se a sua internet está de acordo com o que a empresa te ofereceu. Confira já!